Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Com localização, história, gastronomia e serviço excepcionais, o hotel-palácio reúne um pouco do melhor que a cultura francesa pode oferecer

Picasso se casou no Le Meurice. A Rainha Vitória se hospedou no Le Meurice. Salvador Dalí morou no Le Meurice. Por essas e muitas, muitas outras, Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris, merece a hospedagem ao menos uma vez na vida – ou uma visita para um chá da tarde quando você estiver na capital francesa.

Tudo é excelente, tudo é carregado de doses generosas de história revisitada pelo savoir-faire contemporâneo.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris
O QUE UM HOTEL DEVE TER PARA SER CONSIDERADO PALACE?

Com uma equipe de 400 funcionários e ambientes decorados em estilo Luís XVI, Le Meurice é, desde 1997, um dos hotéis de luxo que pertencem e são operados pela Dorchester Collection, com sede em Londres, de propriedade da Brunei Investment Agency. E desde 2011 é um dos hotéis em Paris a ostentar distinção Palace.

Trata-se de uma classificação oficial do governo francês – concedida a um seleto grupo de hotéis no país – que reconhece estabelecimentos com padrão ainda superior ao 5 estrelas.

Supervisionada pela Atout France – a agência de desenvolvimento de turismo da França – a etiqueta “Palaces de France” foi criada em 2010 e, quando atribuída a um hotel, vale por um período de 5 anos.

Para se ter uma ideia, é preciso cumprir mais de 200 critérios para contar com esse reconhecimento. Entre eles:

  • localização e arquitetura excepcionais
  • ter pelo menos um restaurante gastronômico
  • serviço de concierge
  • equipe multilíngue
  • mínimo de 2,2 funcionários por quarto
  • ao menos 20% das acomodações devem ser suítes

Atualmente, apenas 31 hotéis franceses são qualificados como Palace – e quase a metade deles está localizada em Paris, sobretudo no 1º, 8º e 16º  arrondissements. Ao fim deste post vou relacionar todos eles.


+ Confira o valor das diárias e a disponibilidade no hotel Le Meurice
+ O melhor frango assado do mundo, no bistrô L’Ami Louis, no Marais


Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris
LOCALIZAÇÃO EXCEPCIONAL

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Le Meurice fica na margem direita central, debruçado para os Jardins des Tuileries (que inspira caminhadas matinais revigorantes), a uma curta distância do Museu do Louvre, Museu D’Orsay e a Place Vendôme.

A poucos passos está também o Faubourg Saint-Honoré, concorrido endereço das grifes em Paris – leiam-se Lanvin, Dolce & Gabbana, Hermès, Prada, Gucci, entre outras.

Além da Garnier Opera House, esplendidamente iluminada à noite, e um sem-número de cafés e restaurantes.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

A partir de várias suítes do Le Meurice é possível observar a Torre Eifel. A vista acima é a do terraço da suíte La Belle Étoile – a mais cara de todas, com diária a partir de €14,500 –, onde foi gravada a cena da degustação de vinhos do filme Meia-Noite em Paris (saiba aqui sobre outros filmes gravados na capital francesa).

Não surpreende o fato de que, durante as filmagens, os protagonistas, Owen Wilson e Rachel McAdams, tenham ficado hospedados por aqui mesmo.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris
Foto: Reprodução

A entrada do Le Meurice fica em pleno vaivém da galeria da Rue de Rivoli.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

E embora este seja o endereço do Le Meurice desde 1835, o lugar começou como estalagem em Calais, em frente ao Canal da Mancha, comandado por seu primeiro proprietário, o agente fiscal empreendedor Charles-Augustin Meurice (1739-1820), daí o nome.

Hoje, chegar ao Le Meurice é como encontrar um oásis de luxo discreto no meio do burburinho

Embora centenários, os ambientes exalam frescor, graças a constantes reformas e serviço irrepreensível

As renovações mais recentes aconteceram entre 2008 e 2012, quando o arquiteto francês Charles Jouffre reformou, em duas fases, os 160 apartamentos – 23 suítes inclusas.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

+ Confira o valor das diárias e a disponibilidade no hotel Le Meurice
+ Os 5 melhores macarons de Paris


Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris
GASTRONOMIA POR ALAIN DUCASSE

Na onda da renovação, até mesmo o espaço mais tradicional do hotel – seu principal restaurante, Le Meurice Alain Ducase – sofreu pequenas intervenções pelas mãos de Philippe Starck.

O ambiente é opulento, inspirado no Salon de la Paix do Palácio de Versailles, com vista para o Jardin des Tuileries: ostenta espelhos antigos, afrescos, lustres antigos de cristal, bronze, mármore e afrescos intercalados com elementos contemporâneos, como as cadeiras da marca Knoll.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Quando me hospedei no hotel, em 2017, o chef Jocelyn Herland tinha acabado de assumir a gastronomia – e o restaurante Le Meurice Alain Ducasse havia acabado de perder uma de suas três estrelas.

Em março de 2020, Herland seguiu para comandar o histórico Taillevent, considerado uma instituição culinária, tambem com duas estrelas Michelin.  Meses depois foi anunciado seu sucessor como chef executivo, Amaury Bouhours, 30 anos, que se comprometeu a utilizar no menu 95% de produtos franceses, seguindo o comprometimento de Ducasse com a sustentabilidade.

Ducasse e Bouhours valorizam os sabores essenciais e a gastronomia autêntica, preparada com ingredientes de qualidade excepcional

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Nesse período, o mundo já estava mergulhado no caos criado pela pandemia de Covid-19, com duras consequências como o período do lockdown e a necessidade de a maior parte dos restaurantes de suspender as atividades.

E sendo assim, qualquer tentativa de avaliar corretamente qualquer restaurante nesse período seria infrutífera.

Mas o fato é que o Le Meurice Alain Ducasse mantém sua gastronomia excepcional (e serviço idem), bem como suas duas estrelas Michelin. E continua entre os mais caros do mundo, de acordo com levantamento do site The Daily Meal, com menus entre €250 e €480.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris
A (FANTÁSTICA) PÂTISSERIE DE CÉDRIC GROLET

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Incontornável.

Mesmo que você não seja lá muito fã de doces, não há como não se render à confeitaria do Le Meurice

O setor está sob os cuidados de um dos chefs confeiteiros mais inventivos da atualidade. Cédric Grolet, 35 anos, reúne milhões de seguidores no Instagram com seus doces exclusivos criados a partir da desconstrução de frutas frescas e reconstruídas em efeito tromp-l’oeil, técnica de perspectiva que cria ilusões de ótica.

Entre elas, maçãs:

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Criando uma semelhança perturbadora com várias frutas, as sobremesas criadas por Grolet estimulam os sentidos sem ser excessivamente doces. Diferentes texturas se combinam com os sabores frutados e um sutil toque de baunilha.

Aqui uma das versões mais conhecidas, Le Citron, que eu mesma registrei durante uma conversa com o chef sobre seu trabalho (o limão foi cortado pelo próprio Cédric):

Até hoje, Cédric Grolet já (re)criou 32 frutas, como avelã (um dos melhores doces que provei na vida), pistache siciliano, lichia, amendoim, damasco, limão, noz, entre outras. Como chef executivo de confeitaria, o jovem chef também é responsável pelo café da manhã no Le Meurice.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Neste ano de 2021, para comemorar três anos à frente da pâtisserie no Le Meurice, Cédric Grolet disponibilizou, em maio, todas as suas frutíferas criações, com o perdão do trocadilho, na confeitaria do hotel (apenas para retirada).

E aqui vai a novidade da temporada de 2021: arroz doce. Entre os ingredientes, caramelo salgado, mousse de de arroz doce, baunilha de Madagascar e manteiga de cacau.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris
HOTEL DOS REIS

Nestes quase dois séculos de história, monarcas, chefes de estado e celebridades marcaram presença no Le Meurice, que ficou conhecido como “Hotel des Rois”, ou Hotel dos Reis, dado o luxo e a proximidade com a sede do governo francês.

Em 1855, a Rainha Victoria se hospedou no hotel durante sua visita oficial a Paris – e em homenagem à monarca britânica, todo o primeiro andar foi renovado

Alfonso XIII da Espanha teve aqui seu exílio: chegou em abril de 1931 e, sob o nome de Duc de Tolède, se hospedou, com sua família e comitiva, ocupando todo o primeiro andar. Ele próprio ficou nos quartos 106 e 108, que mais tarde foram combinados e convertidos em Apartamento Presidencial em sua homenagem.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris
O Rei Alfonso XIII, da Espanha, chegando ao hotel Le Meurice

Na mesma suíte ficaram hospedados outros membros da realeza de diferentes países, como o rei Paulo e a rainha Frederica da Grécia, o Duque e a Duquesa de Windsor, o Nicolau I de Montenegro, o último Xá do Irã,  Mohamed Reza Pahlavi, e monarcas das mais diferentes nacionalidades.

Salvador Dalí elegeu o apartamento para passar todo o mês de dezembro em seus últimos 30 anos de vida. As histórias sobre o artista parecem tão surrealistas quanto sua obra.

Houve um dia em que Dalí exigiu um rebanho de ovelhas no quarto para aquecer o ambiente. Em outro, trouxe borboletas apanhadas no Jardin des Tuileries para inspirá-lo. Também chegou a levar aos aposentos duas jaguatiricas de estimação. E em 1973, foi a vez de levar para o quarto uma Honda CB.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Bom, mas ele podia.

Entre todos os ilustres, o gênio surrealista foi certamente o hóspede mais marcante, a ponto de o hotel reverenciá-lo com o nome de um de seus restaurantes, Le Dalí (onde, aliás, é servido o melhor Club Sandwich da cidade, de acordo com o Le Figaro). Provei ali o club sandwich de lagosta, que me aparece em sonhos até hoje.

Em tempo: o chá da tarde mandatório no Le Dalí sai por €65 por pessoa (valor atualizado em junho de 2021).

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Hoje, quem se hospeda na suíte Dalí encontra seu visual repaginado: mobiliário em estilos Luís XV e XVI, armário do século XVIII e sala de banho completamente revestida com mármore italiano. A chinoiserie, atrás do sofá, foi mantida tal e qual ele deixou.

Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris

Por fim, e eu não poderia deixar de mencionar.

Nem rainha, nem artista, nem duquesa, nem estilista. Mas nesta ilustre suíte presidencial também se hospedou, por três dias, esta jornalista que vos escreve, para trazer uma reportagem para a revista The President e contar mais um pouco sobre o hotel neste post.

Vale lembrar que o hotel Le Meurice foi requisitado pelas autoridades de ocupação alemãs durante a Segunda Guerra Mundial. Chegou, inclusive, a se tornar o quartel-general de Dietrich von Choltitz, governador militar de Paris, em 1944. Mas é preciso dedicar um post exclusivamente para dar conta de contar a história comme il faut.


HOTÉIS PALACE EM PARIS

Confira a lista dos melhores hotéis parisienses, que ostentam a distinção Palace. Pelos links, é possível conferir o valor das diárias e a disponibilidade no Booking.com:

  1. Four Seasons Hotel George V 
  2. Hôtel de Crillon, A Rosewood Hotel
  3. Hôtel Lutétia
  4. Hotel Plaza Athénée
  5. La Réserve Paris-Hotel and Spa
  6. Le Bristol Paris
  7. Le Meurice
  8. Mandarin Oriental Paris
  9. Park Hyatt Paris Vendôme
  10. Royal Monceau – Raffles Paris
  11. Shangri-La Hotel Paris
  12. The Peninsula Paris
The following two tabs change content below.
Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris
Jornalista e consultora nas áreas de gastronomia e viagem, não recusa uma taça de um bom Syrah. Editora de Estilo da revista ISTOÉ Dinheiro, foi diretora de redação da revista WINE, crítica de restaurantes da revista Playboy, repórter e apresentadora na Rede Globo São Paulo e TV Cultura.
More from Luciana Lancellotti
Pequena Tiradentes, MG
Parte do charme de Tiradentes se traduz nas pedras e ladeiras, na...
Read More
0 replies on “Le Meurice, um dos melhores hotéis de Paris”